Conheça os 3 pilares para o desenvolvimento sustentável

Com o passar dos anos, é comum que grandes organizações tenham seus comportamentos transformados conforme os desafios da sociedade ganham maior visualização. 

Hoje, com grandes problemas surgindo no meio ambiente e em toda sociedade,  temos grande parte da atenção voltada para a sustentabilidade. Não é difícil encontrar essa palavra, né? Mas você conhece os pilares em que ela se baseia e como o conceito é diretamente ligado às diferentes esferas da nossa vida?

Então confira nosso post e conheça os 3 pilares para um desenvolvimento cada vez mais sustentável.

O que é sustentabilidade?

A população global cresceu de maneira exponencial. Em 2015 chegamos a 7 bilhões de pessoas, na década de 1960 havia cerca de metade das que existem hoje e há um século atrás, essa população era de 1,6 bilhão. Teremos no futuro, mesmo com um ritmo diferente, uma população cada vez maior e isso traz desafios para o planeta.

Essas pessoas precisam de recursos para sobreviver e com o tempo, a pressão sobre a Terra para fornecer esses também aumentará, principalmente com o desafio da alimentação. Porém, temos um fator extremamente relevante a ser cuidado: não há uma distribuição uniforme dos padrões de consumo em todo o mundo. 

Um dos maiores indicadores de insustentabilidade é a má distribuição da riqueza. Hoje, mais de um terço da população mundial ainda vive na pobreza, com acesso limitado à energia, água ou alimentos.

Porém, segundo uma pesquisa do Instituto Mundial de Pesquisa Econômica do Desenvolvimento da Universidade das Nações Unidas  feita em 2006, revela que  o 1% mais rico da população adulta do mundo detêm, juntos, 29,4% da riqueza mundial, segundo dados de 2000.

Durante muito tempo foi entendido que a sustentabilidade estava somente ligada à responsabilidade com o meio ambiente. Isso gerou uma ótima visibilidade e fomentação de ações para preservação da natureza, para projetos de reflorestamento, para reciclagem, entre outras, que dificilmente fugiram de ações pontuais que não agregaram grandes transformações.

O foco da sustentabilidade está tanto na humanidade, quanto na natureza. Reduzir essa desigualdade e fornecer um padrão básico de condições de vida para os habitantes da Terra é fundamental para a sustentabilidade e grandes corporações e organizações estão diretamente relacionadas.

Hoje, o desenvolvimento sustentável é entendido como a combinação de três pilares essenciais que precisam interagir em harmonia para não só solucionar desafios, mas também gerar valor para sociedade, são eles:

Qual o significado de desenvolvimento social sustentável?


Esse pilar olha para o desenvolvimento de todo capital humano que está relacionado, seja direta ou indiretamente, às atividades de uma organização. Ela coloca a visão em prática que a prosperidade e o resultado depende de todas partes relacionadas com o sistema.

Essas partes são os chamados stakeholders. Aqui está envolvido o desenvolvimento de colaboradores, do sucesso do cliente, do cuidado a comunidade e a toda sociedade.

Dentro de ações que envolvem o desenvolvimento social estão ligadas iniciativas das organizações voltadas à educação de comunidades próximas, incluindo gerar valor para todos ao redor.

Qual o significado de desenvolvimento econômico sustentável?


Para o desenvolvimento econômico, uma organização precisa conseguir produzir, distribuir e oferecer seus produtos ou serviços em mercado para lucrar de forma justa. 

É importante que as organizações não usem meios de exploração com as partes envolvidas e não criem competitividade desleal aos demais concorrentes. Não há como sustentar esse pilar criando um desequilíbrio ao seu redor entre as outras partes

Assim, as empresas precisam olhar para além do lucro e combinar seu olhar com as pessoas que fazem parte direta ou indiretamente de sua cadeia de produção, contra a exploração do trabalho do funcionário e olhando a diminuição do impacto com o meio ambiente.

Qual o significado de desenvolvimento ambiental sustentável?


Por fim, para falar do desenvolvimento ambiental, referimos a todas práticas que tenham impacto no ecossistema, seja de curto, médio ou longo prazo. Hoje existem leis regulamentares e diretrizes específicas para orientação e fiscalização, mas não são somente elas que garantem que uma organização seja sustentável.

Como exemplo, tem empresas que trabalham fortemente com a logística reversa em seus produtos, diminuindo o número de resíduos gerados em sua cadeia.

Com esses fatores, é extremamente importante que cada um possa repensar nas escolhas que fazem no dia a dia. Precisamos ressignificar o consumo de uma maneira mais consciente que traz o equilíbrio para a conta de forma principal.

Na Brota, acreditamos que a sustentabilidade é uma forma de tornar os impactos causados pela produção e consumo os menores possíveis.

Para isso não basta ações pontuais ou compensatórias, é necessário que toda estratégia esteja voltada a levar ações constantes e concretas em todas etapas e assim, ainda entregar uma experiência prática de plantio e alimentação surpreendente e sustentável aos nossos clientes. Já conferiu?

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados